Mensagem do Sr. Presidente da Câmara

Caras e caros Albicastrenses,

Hoje é um importante dia de celebração para Castelo Branco e para todos os albicastrenses. Este é um momento que marca a inauguração dos Sabores de Perdição, mas representa também um ponto de viragem na digitalização da nossa economia tão necessária para continuarmos a promove-la.

A situação pandémica que atualmente vivemos coloca-nos novos desafios, mas abre-nos também caminho para novas oportunidades. Em tempos de crise só saem vencedores os que têm a capacidade para se reinventar e de transformar as ameaças em oportunidades, e é isto mesmo que estamos aqui a fazer hoje.

Assim, é com a contenção que estes novos tempos nos exigem e com as devidas adaptações, que celebramos os Sabores de Perdição 2020 Edição Online, revelando o que de melhor se faz na nossa região, desta vez, e mais do que nunca, de Castelo Branco para o país e o mundo.

Este é um evento que engrandece o nosso concelho, que dinamiza e promove os nossos produtos endógenos de excelência e que revela o que de melhor se faz na nossa região. Quero realçar que, ao contrário do que muitos afirmam, este evento não se trata de uma simples festa, trata-se de desenvolvimento económico e de promoção dos nossos produtores, razão pela qual não poderíamos deixar de o concretizar.

Com as devidas adaptações à nova realidade que vivemos, a realização da edição 2020 dos Sabores de Perdição é mais uma evidencia da estratégia que temos levado a cabo e que, em tempos de pandemia, não ficou em suspenso.

Estamos atentos às necessidades da nossa comunidade e consideramos que nesta altura, mais do que em qualquer outra, o apoio à dinamização do tecido empresarial é fundamental.

Este evento pretende funcionar como um estímulo para os nossos produtores locais, à divulgação dos seus produtos e sua comercialização, não esquecendo também a importância da dinamização cultural e da promoção turística de todo o concelho.

Mas quero aqui realçar que a adaptação não foi só por parte da Câmara Municipal, pois, habituados ao seu espaço físico, os expositores tiveram de o transformar numa loja virtual, alavancando a economia local através da digitalização, tão necessária para fazer face às necessidades atuais do mercado.

Não posso, portanto, deixar de dar uma palavra de apreço aos produtores que se associaram a esta iniciativa, que estão a ter a coragem necessária para fazerem frente a esta situação e que, através de um estado de alerta ativo, se adaptam a esta nova normalidade, revelando mais uma vez um concelho bordado a tradições enraizadas e sabores únicos.

Continuamos a fazer para estarmos junto dos albicastrenses! Com apenas um clique é possível usufruir dos vários espaços que constituem o certame, adquirir os produtos locais e usufruir de uma programação variada para todas as idades.

Estimulando as vertentes económica, gastronómica e turística, os Sabores de Perdição 2020 revelam um caráter inovador e distinto, onde o digital se assume como um meio preponderante.

Por fim, deixo uma palavra de confiança a todos os albicastrenses, pois estou certo de que ultrapassaremos este momento da melhor forma e que em 2021 iremos estar todos reunidos com mais novidades e mais dinamismo para “Bordar e Receber” este grande evento, bem como todos aqueles que nos quiserem visitar.

Serão 10 dias repletos de atividades, sabor e muita tradição, estão, por isso, todos convidados para visitarem os Sabores de Perdição’20 Edição Online, em saboresdeperdicao.pt.

Sigam todas as atividades nas nossas redes sociais.

 

Luís Correia
Presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco